30 de março de 2011

Sobre comer...



Aprendi desde cedo.
Que comer é sagrado.
Por isso me proibo.
O mau gosto estético.
De praças de alimentação.
E economias tolas.
Uns gastam com roupas.
Outros com carros
Games, baladas.
E micaretas em Salvador.
Eu invisto em pratos.
Em prazeres inenarráveis.
Das cozinhas do mundo.
É como a arte pintada.
Custam pouco as tintas.
Mas muito os quadros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário