31 de dezembro de 2011

Que venha 2012! (Sobre viradas de ano...)

Fim de ano atípico.
Em 37 anos de vida.
Deve ser a quarta ou quinta.
Virada que passo em Sampa.
Verdade, vamos mudando!
Além de preferir o sossego.
Não acho necessariamente.
Que balanços sobre a vida.
E passagens temporais festivas.
Signifiquem muita coisa.
Mas o senso comum.
É violentamente sedutor.
E aderimos de alguma forma.
Então que venha 2012!
E sem o ideal de felicidade.
Mas na variedade e intensividade.
Das experiências de vida!

Nenhum comentário:

Postar um comentário