6 de março de 2012

Síndrome da Praça é Nossa...

Algo apavorante.
É a escravidão do mesmo!
"Mesma praça.
Mesmo banco.
Mesmas flores.
Mesmo jardim".
Como diria Guimarães Rosa:
O animal satisfeito dorme!

Um comentário: