30 de janeiro de 2012

A TPM explica muito....

Considero "nada é por acaso".
Uma frase abominável.
E sem a mínima sustentação!
De frases feitas.
Prefiro "tudo é relativo"!
Afinal, tudo se resume.
À oferta de energia disponível.
Quando temos vigor, tudo é lindo:
Músicas emocionam.
Pessoas se iluminam.
E palavras se harmonizam.
Com défict, tudo parece horrível:
Músicas irritam.
Pessoas murcham.
E as palavras se escondem.
Portanto.
Vivemos no maravilhoso mundo.
Das "interpretações que chacoalham".
Como na TPM da mulher!

nov 2010

Nenhum comentário:

Postar um comentário