2 de abril de 2012

A cidade sou eu!

Fulano odeia São Paulo.
Sicrano não aguenta Brasília.
Beltrano fica deprê no Rio,
E Delano quer vazar de Salvador.
Curioso que muitas vezes.
As cidades são o arremedo.
De nossos estados emocionais!
O que certamente.
É uma baita crueldade com elas.
No fundo, no fundo.
"A cidade sou eu"!

Nenhum comentário:

Postar um comentário