28 de abril de 2017

Quando sofrimento e sucesso andam juntos.....

 
É um tipo de sofrimento bastante corrente aquele em que o sujeito se entrega incondicionalmente a uma imagem idealizada de si. Comum e que faz pensar, porque é uma forma de servidão voluntária (dívida simbólica) enfeitada, bonita e vistosa. Exatamente porque há sucesso e êxito social envolvidos. O sujeito é bem sucedido profissionalmente e economicamente, é inserido em uma "família ideal", em um projeto de amor, é belo e admirado, etc. E é justamente em nome dessa imagem (eu ideal) que ele se submete cruelmente a sacrifícios de toda ordem (investe contra si), e é preciso um esforço considerável  para se deslocar dessa posição. Isso porque requer ceder em alguns pontos que custam à sua imagem (fantasia/fantasma). Contam que alguns pacientes que chegavam à Clínica de Lacan, tendo o sofrimento como porta de entrada, estavam situados nessa posição. E, aos poucos, e com o avanço da análise, iam "perdendo" alguns atributos extremamente valorizados no contexto do social. E, obviamente, as pessoas cogitavam que a análise estava "piorando" o sujeito. Mas era o contrário.....

Nenhum comentário:

Postar um comentário